Conhecer o perfil do consumidor é essencial para entender melhor as suas necessidades e hábitos de consumo. Assim, é possível criar estratégias e táticas para influenciar na  decisão de compra e obter os resultados desejados. Essa compreensão mais profunda ajuda a empresa a ter vantagens competitivas perante a concorrência. planejando as vendas e estoque com precisão.

Isso também é extremamente importante para ações como lançar um novo produto, um serviço inovador ou uma campanha publicitária. Tudo deve ser pensado de acordo com o perfil do consumidor, visando atender as suas expectativas e corresponder aos seus hábitos.

Contudo, obter esse conhecimento nem sempre é fácil e, foi pensando nisso, que fizemos este post para que você saiba como proceder e quais ações realizar. Continue a leitura e confira!

 

Realize pesquisas

A pesquisa é um método simples, barato e muito eficiente para conseguir informações a respeito dos seus clientes. Você pode começar pesquisando o seu mercado de atuação, que implica em conhecer o consumidor no aspecto qualitativo (comportamentos, hábitos de consumo etc.) e quantitativo (participação, potencial, entre outros).

Procure entender as particularidades do seu segmento e avaliar quais são as tendências para o futuro. Busque analisar os pontos fortes e fracos da concorrência, observando quais características fazem uma empresa destacar-se das demais. Isso pode contribuir para que surjam novas ideias para o seu negócio.

As pesquisas internas também se constituem em uma importante ação para definir o perfil do cliente. Muitas companhias traçam esse perfil baseando-se apenas em suposições, quando na verdade, se chega a ele por meio de uma combinação de informações.

Portanto, faça perguntas diretamente aos seus consumidores e dê espaço para que expressem opiniões, sugestões e preferências. Uma opção é oferecer formulários eletrônicos, que podem ser acessados por smartphones para tornar o processo mais prático e rápido.

Se houver uma adesão muito baixa, vale a pena investir em estratégias que incentivem a participação. Pode-se, por exemplo, conceder um desconto especial ou mesmo dar um brinde exclusivo para despertar o interesse do público-alvo.

 

Defina uma persona

Persona é a representação semifictícia do cliente ideal, criada para ajudar a empresa a entender melhor quem realmente é o seu cliente e do que ele precisa. Por isso, ela é baseada em informações reais sobre características:

  • demográficas — gênero, idade, classe social, escolaridade;
     
  • sociais – filhos, relacionamento, ocupação, renda, rotina (trabalho/academia/estudos/casa);
     
  • psicológicas — sonhos, medos, frustrações, objetivos e dificuldades que o impede de conseguir;
     
  • culturais — ídolos, o que lê (livros, revistas, quadrinhos), quais programas assiste (esportes, culinária, filmes), quais músicas escuta (MPB, rock, samba, sertanejo), quais marcas usa (roupas, sapatos, acessórios e outros produtos);
     
  • comportamentais — gostos e interesses (roupas, carros, casas, móveis), o que procura, o que costuma sentir (alegria, tristeza, medo, vergonha, frio, calor), o que costuma fazer, hábitos.

 

Com isso, você terá todos os atributos que seu cliente real tem: desejos, objetivos, desafios, motivações, interesses, medos, preocupações, relacionamento familiar, hobbies, profissão, faixa salarial etc. Quanto mais detalhes você conseguir, melhor.

A persona é a ferramenta indispensável, o alicerce para toda e qualquer estratégia de marketing de sucesso. Ela descreve com detalhes o perfil do seu comprador em potencial, ou seja, aquela pessoa perfeita para comprar o seu produto ou serviço.

A definição da persona também exige pesquisas, entrevistas e coleta sistematizada de dados. São muitas as perguntas que podem ser feitas e varia de acordo com o segmento de cada organização.

 

Mensure os dados de compra

Outra forma de conseguir informações importantes para definir o perfil do consumidor consiste em avaliar o seu histórico de compra e mensurar todos os dados. Essa descrição detalhada pode fornecer uma avaliação precisa e uma base sólida para as tomadas de decisões sobre a gestão de estoque e sobre investimentos, por exemplo. Principalmente, se sua empresa já atua há alguns anos no mercado.

Por meio desse histórico é possível ter uma boa ideia acerca das sazonalidades do mercado, jornada de compra dos consumidores, entre outros fatores fundamentais e determinantes.

 

Analise os padrões de comportamento

Independentemente do porte, segmento, ramo de atividade do seu negócio, ou ainda, da situação em que o seu empreendimento se encontra, é essencial analisar os padrões de comportamento dos consumidores. Portanto, não subestime o valor de uma pesquisa de hábitos de consumo, pois eles mudam frequentemente e, sem esse respaldo, fica praticamente impossível definir o perfil do consumidor ideal para a sua companhia.

Esse estudo e percepção auxiliam no processo de tomada de decisões, fornecendo dados e soluções para potencializar as estratégias de atração, conquista e fidelização de clientes.

As perguntas realizadas visam entender como agem os compradores, as razões que influenciam a sua decisão de compra, o que, quando e onde costumam realizar as suas aquisições. Esse tipo de pesquisa, ainda permite identificar, de forma clara e objetiva, questões específicas como:

  • formas de pagamento mais utilizadas;
     
  • mídias populares entre o seu público;
     
  • o que pesquisa antes de efetivar uma compra;
     
  • quanto costumam investir para adquirir os seus produtos;
     
  • com que frequência e prioridade fazem as suas compras.

 

Avalie as redes sociais

O novo consumidor está, atualmente, imerso na onda de conectividade. Muitas vezes, momentos de relações pessoais ou lazer, perdem espaço para a interação dos computadores ou dispositivos móveis. Construindo relação com pessoas, produtos e empresas de forma digital.

Sendo assim, é fundamental que as companhias estejam presentes nas redes sociais com páginas corporativas. Por meio delas é importante monitorar o que os clientes estão publicando e compartilhando sobre a sua marca e os seus posts.

Também, é possível ir um pouco além, conferindo as páginas das organizações concorrentes. Essa é uma estratégia para descobrir os erros e acertos delas e, acompanhar as tendências e inovações do mercado.

Enfim, a correta definição do perfil do consumidor pode subsidiar de forma estratégica e efetiva as suas tomadas de decisões. Por isso, invista em pesquisas, estudos, práticas e técnicas comprovadas para concretizar esse reconhecimento.

Este artigo foi útil para você? Ainda tem dúvidas sobre como conhecer o perfil do seu consumidor? Então, não hesite em fazer um comentário abaixo. Estamos prontos para ajudar.